vermox-Arzneimittel

 

A universitária que teve o nome divulgado na internet como autora de um blog e de um e-mail contendo discursos racistas e ameaças de assassinatos a professores da Universidade Federal do Pará (UFPA) disse em sua rede social que os perfis são falsos e que não concorda com o conteúdo “desumano”. A Divisão de Prevenção e Repressão a Crimes Tecnológicos (DPRCT), em Belém, investiga a denúncia da estudante, que alega ser vítima de uma fraude virtual.

Segundo a Polícia Civil, a aluna da Universidade Federal do Pará (UFPA) procurou a divisão no último mês de maio. No domingo (17), um email, assinado com o nome da estudante foi enviado a professores da UFPA e propagado nas internet. A instituição informou ao G1 que encaminhou o caso a Polícia Federal.

Na mensagem divulgada pela jovem, ela afirma que não é sou autora do conteúdo. “Fiquei muito chateada porque vão totalmente de encontro com meus ideais e particularmente por denegrir a imagem de meus amigos e colegas do curso de Biologia que muito admiro e tenho carinho”, disse a estudante.

“Estou aguardando o cumprimento judicial dos processos e que o culpado responda pelos crimes, que não só por difamação, mas por desrespeitar a liberdade e a diversidade das pessoas e ter ofendido a tantas”, completa a estudante na mensagem.

E-mail

O e-mail enviado na madrugada de domingo (17) faz ameaças aos coordenadores da UFPA. O texto se manifestava contra o ingresso de negros na instituição e fazia ameaças de massacre contra alunos e professores. “A vontade que eu tenho é de ir pra aula com uma 9 mm e fazer um MASSACRE com todos os pretos sujos, cotistas e esquerditas. o lugar deles é no cemitário”, ameaça o e-mail. “Se vocês não expulsarem esses negros logo, principalmente do Instituto de Ciências Biológicas, vou ameaçar vocês e seus familiares”, anuncia um dos trechos do texto, assinado com o nome da aluna.

FONTE: https://g1.globo.com/pa/para/noticia/universitaria-afirma-nao-ser-autora-de-mensagens-racistas-e-ameacas-na-internet.ghtml